Publicado por: noticiasdesiao | 18 de agosto de 2017

MOUSSA OUKABIR

O TERRORISTA AFINAL ERA O OUKABIR MAIS NOVO

Não foi Driss Oukabir, de 28 anos, mas sim o seu irmão mais novo, Moussa Oukabir, de 17, o responsável pelo atentado terrorista que matou ontem 13 pessoas em Las Ramblas, Barcelona.

É neste jovem que está concentrada a investigação policial neste momento. As autoridades espanholas informaram que Moussa Oukabir teria roubado os documentos do irmão Driss para poder alugar o furgão usado no atentado. O irmão apresentou-se na polícia logo após o ataque, numa altura em que as suas fotografias já circulavam como suspeito.

Há informações de que Moussa estava armado quando abandonou o furgão, o que tem gerado apreensão em parte da Espanha, uma vez que o alegado autor material do atentado escreveu há algum tempo na rede social Kiwi que se pudesse, matava todos os infiéis.

A investigação policial está levando em conta o testemunho do irmão, Driss Oukabir, que na quinta-feira foi detido em Ripoll, na delegacia a que se dirigiu, garantindo que no momento do atentado estava ali mesmo, em Ripoll, e não em Barcelona. De acordo com Driss, o irmão — o mais novo de cinco irmãos — roubou-lhe o passaporte para conseguir alugar não só o furgão usado no massacre de Barcelona mas, também, outro que foi apreendida horas depois na zona de Vic, a 71 Km do local do atentado.

Moussa Oukabir — cujo nome completo é Moussa Oukabir Soprano — vive em Barcelona, enquanto Driss mora mais a norte, em Ripoll. A identificação de Driss foi encontrada no local do crime, razão pela qual as investigações se concentraram neste imigrante.

Segundo informações de alguns jornais espanhóis, Moussa teria usado as redes sociais para fazer feito comentários de teor racial, contra os não-muçulmanos.


O perfil de Moussa Oukabir também já foi excluído pelo Facebook

Segundo o La Vanguardia, Moussa viajou recentemente para o Marrocos retornando à Espanha no último dia 13, poucos dias antes do crime. Ainda não está confirmada a idade correta do terrorista, que pode ter 17 ou 18 anos.

Segundo o El País, as autoridades acreditam que o jovem pertencia a uma célula terrorista composta por 12 pessoas. Cinco destas foram mortas no outro ataque em Cambrils, quatro estão detidas — faltam, portanto, três (incluindo Moussa), que estão em fuga.

Uma amiga do terrorista disse ao El País que está “surpresa com tudo isto”, porque o jovem era um “rapaz normal e muito simpático”. Moussa é descrito pela amiga como um rapaz “um pouco calado e que nunca procurava problemas” — “tinha um grupo de amigos, todos marroquinos, mas falava catalão perfeitamente. Acho que veio para cá com três anos de idade”, concluiu a amiga.


Mesmo sendo um muçulmano alegadamente pacífico, Moussa prometia seguir o Alcorão.

Embora Moussa Oukabir tenha este suposto perfil pacífico, como aliás têm a maioria dos imigrantes árabes que perambulam pela Europa, ao ser perguntado, numa rede social, o que faria se se tornasse um líder absoluto do mundo, ele não titubeou: “Matava todos os infiéis e deixaria apenas os muçulmanos continuarem com a religião”.

Moussa Oukabir já esteve preso em 2012 por abuso sexual. Ele tinha na época 12 anos.

ANDS | OBSERVADOR | EL PAÍS

Anúncios

Responses

  1. […] LEIA A ATUALIZAÇÃO DESTA MATÉRIA CLICANDO AQUI […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: