Publicado por: noticiasdesiao | 24 de novembro de 2015

O ASSASSINATO QUE CHOCOU ISRAEL

HADAR BUCHRIS – DESTINADA A COISAS MAIORES

Você que chorou porque um dia Nova York foi atacada, que chorou porque um dia Londres foi atacada, que chorou porque um dia Madrid foi atacada, que chorou porque um dia Paris foi atacada, saiba que a nação de Israel é atacada todos os dias!

Hadar Buchris

Chamava-se Hadar Buchris, tinha 21 anos e foi esfaqueada no domingo e enterrada nesta segunda-feira, 23, em Israel.

Hadar Buchris estudava no Colégio Zohar, um escola feminina localizada no assentamento Bat Ayin. Tinha estudado teatro numa escola de Safed, localizado nas colinas de Golan. Recentemente fez uma viagem à Índia, de mochila às costas, como milhares de jovens estão acostumados a fazer. Voltou para israel há duas semanas.

Se havia uma palavra para descrever Hadar, esta palavra era “sensibilidade”. Talvez por esta razão tenha se dedicado ao teatro e, depois, a trabalhar com crianças.

A jovem judia Hadar trabalhou com crianças num moshav próximo a Tiberíades, mas atualmente trabalhava, também com crianças, num kibutz de Beit She’an, não muito distante do local onde um dia um outro judeu disse “Deixai vir a mim as crianças, não as impeçais”.

“Hadar era fantástica, uma menina brilhante. Ela sempre foi uma fonte de energia para todo o grupo”, disse consternado Hazvi Ayala, antigo professor de teatro.

No domingo, Hadar Buchris caminhava próximo a um cruzamento em Gush Etzion, na Judeia, quando foi atacada. Gush Etzion é uma aldeia judaica da região de Belém.

Hoje, tanto Belém quanto Gush Etzion estão cercadas (ou tomadas) por palestinos, mas 1350 anos antes de Cristo já se fazia menção a uma cidade judaica chamada Beit Lehem, ou “Casa do Pão”, em hebraico. E foi lá que nasceu uma Criança judia que um dia iria revolucionar o mundo.

No caminho de Hadar surgiu um homem de 34 anos chamado Wissam Tawabte, residente na aldeia palestina de Beit Fajjar.

Edward Robinson, chamado de o pai da arqueologia bíblica, citou pela primeira vez o nome da aldeia de Beit Fajjar em 1838, ou seja, 3.188 anos depois que a região já era conhecida como pertencente a Israel.

Depois do ataque, o terrorista foi baleado e morto pelas forças de segurança presentes no local. O serviço de segurança interno de Israel, Shin Bet, anunciou que Tawabte não tinha o nome relacionado entre os potenciais candidatos a terrorista. Tawabte era, digamos, um palestino normal. Não radical, moderado, pacífico. No entanto nada disso impediu que ele atacasse violentamente uma jovem desprotegida.

Hadar Buchris foi encaminhada imediatamente para o Zedek Medical Center Shaare de Jerusalém, onde foi declarado o seu óbito.

O cirurgião que a socorreu, Dr. Ofer Merin, descreveu um quadro dramático ao explicar as condições em que Hadar chegou ao hospital: tinha sido esfaqueada diversas vezes na cabeça, no peito e, principalmente, na região do coração. Seu estado era crítico, sem pressão arterial e sem respirar. “Fizemos diversas tentativas de reanimação, mas no final tivemos que determinar a sua morte”, concluiu desolado o médico.

Falando à nação na noite de domingo, o presidente de Israel Reuven Rivlin disse que as autoridades israelenses não permitirão que o terror domine a vida do seu povo.

“Não só o Estado de Israel como todo o mundo livre está numa situação em que a frente da suas casas tornaram-se linhas de frente do terror. O terror ameaça os cidadãos de Mali, Paris, Bruxelas, Tel Aviv, Jerusalém e Gush Etzion. Nós não permitiremos que o terrorismo passe a orientar nossas vidas. E eu me orgulho em dizer que nós não vamos fechar nossas cidades devido às ameaças”, disse ele referindo-se ao bloqueio permanente a que a cidade belga de Bruxelas está submetida devido às buscas policiais dos suspeitos ligados aos ataques terroristas do último dia 13 em Paris.

Embora não feche suas cidades, o presidente de Israel disse que os seus dirigentes não descansarão nem se calarão até que a calma volte às ruas das cidades israelenses. Disse que as autoridades não descansarão nem se calarão até que o mundo todo reconheça que os inimigos dos judeus são terroristas e que Israel tem o direito de caçá-los também: “Nós, os cidadãos de Israel, não vamos nos render”, concluiu o mandatário.

TRISTEZA E DOR NO ENTERRO DE HADAR BUCHRIS

Hadar Buchris funeral

Israel não explora a imagem dos seus mortos, como fazem os palestinos. Israel não faz cortejos, não expõem caixões nem a dor das famílias. Talvez por isso, por fazerem dos seus sepultamentos espetáculos, o enterro de um terrorista parece sensibilizar mais o mundo do que a dor silenciosa da família que enterra a sua vítima.

Mas o sepultamento de Hadar Buchris na tarde de ontem não teve como ser discreta, pois chocou toda a nação.

Centenas de pessoas acorreram ao cemitério judaico de Jerusalém para acompanhar as cerimônias. As palavras emocionadas de seu pai ecoaram no silêncio preenchido apenas pelos soluços dos presentes.

“Nossa querida, nossa bela Hadar, tão inteligente, tão sensível, você tinha um coração imenso”, disse Aryeh Buchris olhando para o caixão da filha. “Você tinha um grande coração, colocava os interesses dos outros à frente dos seus, você queria realizar tantas coisas. Estamos devastados pela sua trágica morte que nos deixou chocados e na dor. Dificilmente poderemos suportar”, continuou o pai em lágrimas.

“Você foi uma daquelas meninas maiores que a própria vida. A dor é imensa, tão imensa, mas vamos seguir fortes e vamos continuar a unir nossa família mais do que nunca. Eu lhe prometo, minha filha, que nunca deixaremos de sentir sua falta nem deixaremos de pensar em você”, concluiu o abalado pai.

Maayan Buchris, irmã de Hadar estava inconsolável: “Não sei o que fazer agora. A quem vou recorrer quando as coisas estiverem difíceis para mim?!”

Enquanto a emoção tomava conta de todos, Maayan voltada para o caixão da irmã lamentou: “Na semana passada você ficou comigo no Shabat. Dormimos na mesma cama abraçadas uma a outra. Cantei para você, você cantou para mim… Você sonhava em casar, ter filhos, mas eu vejo que você estava destinada a coisas maiores, você foi uma grande pessoa”, concluiu a irmã.

As palavras finais de Maayan Buchris parecem proféticas. O assassinado de Hadar Buchris chocou profundamente todo o Estado de Israel. E espero que choque você também.

Você que chorou porque um dia Nova Yorque foi atacada, que chorou porque um dia Londres foi atacada, que chorou porque um dia Madri foi atacada, que chorou porque um dia Paris foi atacada, saiba que a nação de Israel é atacada todos os dias!

Então, chore também por Gush Etzion, chore por Tel Aviv, chore por Jerusalém.

Talvez uma das “coisas maiores” a que a memória de Hadar Buchris está destinada é fazer o mundo despertar para a crual realidade vivida diariamente por Israel e pelo seu povo.

A dor da família Buchris não pode ser – e não será – em vão.

Twitter: @robertokedoshim

Hadar Buchris funeral

Hadar Buchris funeral

Hadar Buchris funeral

Hadar Buchris funeral

Hadar Buchris funeral

Hadar Buchris funeral

Anúncios

Responses

  1. Choro com a família. Meus sentimentos.

    • Amo Israel e todos os judeus, são pessoas especiais para mim, pois sei que meu marido tem esse sangue. Amo essa Nação pq Deueus diz: orai pela paz de Jerusalém!

  2. Republicou isso em jesusavedme.

  3. CHORO POR JERUSALÉM . CHORO PELO MUNDO ONDE PESSOAS ACHAM QUE TODOS OS ESPAÇOS LHES PERTENCE E CAUSAM MISÉRIAS PARA MUITOS . CHORO POR ESSA MENINA QUE TANTA FALTA FARÁ A SEUS PAIS E A SEU PAÍS . O MUNDO VAI SE TORNANDO CADA VEZ MAIS NUM MUNDO DE LÁGRIMAS . QUE O ALTÍSSIMO NOS VELE .

  4. “The LORD is my strength and my shield; My heart trusts in Him, and I am helped; therefore my heart exults, and with my song I shall thank Him.”
    -Psalm 28:7

  5. Que grande e dura verdade. Os olhos da imprensa mundial e da esmagadora maioria da população estão cegos e influenciados por ares antissemitas. Cumprimento literal das Escrituras. Mas nós que amamos o povo judeu, nós cristãos que sabemos que Israel está no centro do cumprimento profético, devemos continuar orando, jejuando e intercedendo para que os inimigos do povo hebreu se arrependam e sejam neutralizados, segundo a vontade de Deus.

  6. Eu não entendo por que quando um desses terroristas é interceptado e ferido pelas Forças de Defesa de Israel ou por cidadãos comuns de Israel, eles são levados e tratados nos melhores hospitais de Israel ou seja além de causar dano humano ainda causam dano financeiro.

    • Ailton estou escrevendo uma reportagem justamente sobre isso. Aguarde para os próximos dias.

  7. Deus disse em Sua Palavra: “Abençoarei os que te abençoarem e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem” Gênesis 12:3. A vingança é do Senhor e, mais breve do que imaginamos, Ele voltará para libertar seu povo da opressão inimiga.

    • Amém!!!

  8. É demais emocionante…choro muito também …sofro muito também…mas conheço pessoas que acham que eu sou fanatica…pobre deles….NÃO QUEREM SABER QUANDO DIZEMOS QUE DEVEMOS CELEBRAR AS FESTAS BIBLICAS, CELEBRAR O SHABBAT, CELEBRAR O ETERNO COMO YESHUA CELEBROU!! ESTÃO CEGOS PARA ISTO!!! Se pudesse estar aí para defender pessoalmente meu povo, minha Eretz querida, já estaria aí a muitos dias!!! Lembra-se daquela reportagem que você escreveu, caro Roberto, da Família Fogel? Nunca me esqueço deles e dos dizeres que o pai das crianças tinha escrito numa placa colocada na parede sobre como ser homem piedoso? Aquelas palavras que você traduziu para nós, eram palavras de como ser um homem judeu e piedoso!!! Foi maravilhoso saber mas fiquei muito abalada com toda aquela tragédia!!! Que todos os familiares e todos que leem seu artigo, sejam fortalecidos!!! Chazak, chazak, venitchazek!!

    • E É CLARO, VOCÊ PRINCIPALMENTE, SEJA GRANDEMENTE FORTALECIDO!!!

  9. Olá Roberto,

    Gostaria de saber se você me permite compartilhar/ler seus informes no programa da rádio que tenho todos os sábados pela manhã? Rádio Rios FM de Benjamim Constant-97.9

    Abraço Date: Tue, 24 Nov 2015 10:44:41 +0000 To: eduardovieirasilva@hotmail.com

    • Certamente. Estou pensando em disponibilizar alguns comentários em pod-cast. Podemos ver isso depois. Boa sorte.

      • que boa iniciativa!!

  10. A imprensa mundial é tendenciosa. Só divulga o que lhe interessa. É anti DEUS. Sabemos que Israel rejeitou o Messias, mas jamais sairá dos planos escatológicos do Eterno de Israel e de tantos que creem no Santo Nome de Jesus.

  11. OREMOS POR JERUSALÉM!
    Repreendemos todo terror nesta cidade Abençoada
    O BRASIL AMA ISRAEL!

  12. Nós brasileiros amamos e oramos por Israel. Nação amada de Deus!

  13. Quanta dor por esta perda tão triste. Que preciosa era essa jovem que agora descansa nos braços do Senhor. Que Deus conforte toda sua família.

  14. Só Deus pode dar o conforto nessa hora tão difícil.

  15. A voz de seus Abbas que clamam por justiça häo de chegar aos pés, daquele que é o DONO da justiça !

  16. Perder uma filha de forma brutal e gratuita é revoltante. Isto parece não ter fim. Nosso povo busca viver em paz, mas não é compreendido. A dor da saudade nunca sairá dos que a amavam, mas também seu bom nome, sua boa criação e seu bom exemplo não serão esquecidos, diferentemente dos que fizeram tal barbárie. Ela terá shalom, certamente.

  17. Israel nós te amamos! Meus sinceros sentimentos a essa familia.Que Deus console os vossos corações..

  18. […] COMO TRATAM AS JOVENS MULHERES […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: