Publicado por: noticiasdesiao | 19 de janeiro de 2015

SALY GREIGE SELFIE

Saly Greige Doron Matalon Selfie

SELFIE, MENTIRAS E DISTORÇÕES

Saly Greige é libanesa, tem 25 anos e é linda. Doron Matalon é israelense, tem 21 anos e é mais linda ainda. Saly é Miss Líbano e Doron, Miss Israel. Ambas encontram-se em Miami e concorrem ao título da mais bela mulher do mundo, ou seja, a Miss Universo. Como são jovens, bonitas e estão juntas, fizeram o que muitas jovens fazem nos dias de hoje: uma selfie. E com a selfie fizeram o que muitas jovens fazem nos dias de hoje: postaram numa rede social. E o mundo veio abaixo.

O episódio nos permite tirar múltiplas lições. Saly Greige não é sectária. Nascida numa aldeia libanesa de maioria cristã, Greige não encaixa-se no estereótipo da árabe tradicional pois é, digamos, descolada. Admirada na terra natal e suportada em outras regiões menos tolerantes do país, Greige defende a beleza libanesa no concurso mundial.

Quando a foto de uma Miss Líbano, ao lado de uma Miss Israel, começou a ser replicada nas redes sociais, o antissemitismo explodiu. O primeiro a explorar o caso foi o jornal Al Jadeed, que numa matéria ironizou: “Ela [Greige] que afirma gostar de ler, será que nunca leu um livro explicando que Israel é um Estado inimigo?”

Saly Greige Selfie Miss
Repercussão extremista pede a cassação do título da libanesa

Quando, no rastro da repercussão, começou a surgir um movimento pedindo a “cassação” do título de Miss Líbano, Greige sucumbiu. Sucumbiu e, aparentemente, mentiu: “Ela colocou-se entre nós na hora da foto”, disse a libanesa.

O ato de colocar-se diante de um grupo que está a fotografar-se é uma prática universal e até recebeu um nome em inglês: photobombing. Ora, quem já fez ou foi alvo de photobombing sabe muito bem que a pessoa que “intromete-se” na foto normalmente destoa completamente do grupo que está posando. E este não parece ser o caso da polêmica selfie.

Pressionada, Greige começou a dar todo tipo de desculpa. “Desde o primeiro dia em que cheguei ao concurso eu tomei muito cuidado para não tirar fotos com a Miss Israel. Já ela tentou várias vezes tirar fotos comigo”, disse ao Daily Star, um site libanês de notícias voltadas para o mundo do entretenimento. Segundo a jovem, foi desta forma que aconteceu o photobombing. A prática ajuda pessoas de pouca expressão a aparecer. Não nos parece que Doron Matalon precise disso.

Saly Greige Selfie Globo
Mídia ocidental embarcou na mentira da suposta intromissão

No Facebook a israelense escreveu: “Tiramos uma foto de grupo, com a Miss Eslovênia, a Miss Japão e a Miss Líbano. Ela deve ter recebido críticas dos [seus] fãs no Líbano, pois depois que postei a foto ela está fugindo de mim. A Miss Egito também está agindo da mesma maneira”, lamentou Matalon.

“É uma pena que este tipo de hostilidade aconteça numa competição como esta. Nós temos aqui uma rara oportunidade de conhecer garotas de todo o mundo e ouvir sobre suas diferentes culturas e acontece isso”, lamentou a israelense.

Quem está mentindo? Veja a foto, compare com uma verdadeira photobombing e tire suas conclusões.

Saly Greige Photobombing
Uma photobombing e a foto-bomba

Anúncios

Responses

  1. Eu só tenho uma coisa a dizer: kkkkk… E dizem que os cristão é que são intolerantes! Pena que os governos estão com rabo preso ao petróleo árabe. Me desculpem a linguagem chula. É por isso que o islamismo está entrando em todos os lugares, e sendo defendido em detrimento as outra religiões. Como diria o Boris Casoy: “Isso é uma vergonha!”


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: