Publicado por: noticiasdesiao | 27 de janeiro de 2014

HEZBOLLAH APAVORADO

TV LIBANESA ENTREVISTA PILOTO DA IDF

Uma jornalista libanesa teve acesso a uma base aérea israelense, filmou parte do potente arsenal da Força Aérea de Israel, conversou com pilotos e… apavorou o inimigo.

Piloto Israelense

O caso está dando o que falar no Líbano. Uma jornalista da rede de televisão libanesa LBC entrevistou um piloto da Força Aérea Israelense (FAI) que a bordo do seu caça parece mandar um recado direto para o grupo terrorista Hezbollah. Na entrevista, aliás surpreendente por Israel permitir que uma equipe de TV de um país inimigo entre nas suas dependências, o comandante faz um checkout no seu avião, como se estivesse prestes a decolar rumo ao inimigo.

Logo depois, a jornalista entrevista o capitão Avihai Aderi que, falando em árabe, manda um recado para o Hezbollah: Israel está monitorando de perto as transferências de armas da Síria e a movimentação do grupo terrorista.

Walid Daouk, Ministro da Informação do Líbano, imediatamente veio a público dizer que a entrevista da LBC equivalia a “colaborar com o inimigo”, uma vez que as imagens semeou temor entre os militantes do Hezbollah. Daouk afirmou que a reportagem era “inaceitável sob qualquer circunstância”. O ministro concluiu dizendo que “estava pensando em tomar medidas contra o canal”, de acordo com a decisão do Conselho Nacional Audiovisual Libanês.

As coisas parecem não estar bem para a rede de televisão e pior ainda para a jornalista. Abdel-Hadi Mahfouz, chefe do tal Conselho, afirmou que a entrevista era “uma ofensa” e que a estação estava “em risco de sofrer sanções por colaborar com o inimigo”.

Sabendo que as consequências podem ser sérias, o diretor da estação, Pierre El Daher, defendeu-se dizendo que “a reportagem foi produzida por uma empresa palestina”, sendo que eles limitaram-se apenas a retransmiti-la.

Abdel-Hadi Mahfouz, o chefe do Conselho, rebateu imediatamente as desculpas: “Não adianta esconder-se por trás de uma empresa de produção para desculpar o erro de vocês. Sabemos que isso foi feito de propósito!”

No sábado a LBC publicou um comunicado onde afirmava “ter caído numa armadilha da IDF” e o próprio Pierre declarou que o erro se deu devido a um mal-entendido: “Por Allah”, reagiu Pierre, “eu nunca conspiraria a favor de um exército que realizou atos hediondos no Líbano, que ainda ocupa terras libanesas e cuja Força Aérea viola a soberania libanesa”.

Falou, retratou-se, mas não convenceu. Pobre Pierre., Israel deu-lhe liberdade para visitar uma base secreta, mas seu próprio país não lhe dá liberdade de contar o que viu.

LEIA TAMBÉM: A PACIÊNCIA ESTÁ SE ESGOTANDO!

ASSISTA O VÍDEO COM A POLÊMICA REPORTAGEM

Anúncios

Responses

  1. Eu amo a Força Aérea Israelense!!! Am Israel Chai!!!

  2. F-15 Eagle e Strike Eagle, F-16 Fighting Falcon e logo F-35 Lightning II. AH-1 Cobra, AH-64 Apache e logo V-22 Osprey. Quem não tem medo disso?

  3. kkkkkkkkkk Coitado do Pierre!!!!
    A maior força de defesa de Israel é o seu D’us , O Eterno.Com Ele a frente todos os que Nele crêem e amam nunca ficarão em apuros ou abandonados.

    Fabiana


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: