Publicado por: noticiasdesiao | 2 de outubro de 2013

APRECIE ESTA MODERAÇÃO

ISRAEL EXAGERA AO FALAR DURO CONTRA O ATUAL PRESIDENTE DO IRÃ?

Israel não vai permitir que o Irã consiga fabricar uma arma nuclear e está disposto a agir sozinho, se necessário, para impedi-lo.

Netanyahu discursa na ONU
Benjamin Netanyahu discursa na 68ª Assembleia Geral das Nações Unidas e bate duro em Hassan Rohani

ANTES SÓ SE NÃO FOR ACOMPANHADO

Se preciso for, Israel agirá sozinho! Esta é a mensagem direta deixada pelo primeiro ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, na 68ª Assembleia Geral da ONU nesta terça-feira: “Israel não vai permitir que o Irã obtenha armas nucleares. Se Israel for obrigado a permanecer sozinho, Israel permanecerá sozinho”, declarou Netanyahu.

Para o premier israelense, Hassan Rohani, sucessor de Ahmadinejadi, “enganou o mundo uma vez e agora acha que pode enganar novamente”. Dirigindo-se aos diplomatas presentes, Netanyahu confessou: “Eu gostaria de poder acreditar em Rohani. Mas não acredito”.

Benjamin Netanyahu defendeu que a comunidade internacional deve manter uma forte pressão até que o regime de Teerão desmantele, por completo, o programa nuclear. Netanyahu não acredita nas palavras conciliadoras de Rohani.

“Rohani não soa como Ahmadinejad, mas, no que diz respeito ao programa de armas nucleares do Irã, a única diferença entre eles é a seguinte: Ahmadinejad era um lobo em pele de lobo e Rohani é um lobo em pele de cordeiro. Um lobo que acha que pode colocar a lã à frente dos olhos da comunidade internacional”.

Para o representante máximo do Estado hebreu, Israel não vai permitir que o Irã consiga fabricar uma arma nuclear e que está disposto a agir sozinho, se necessário, para impedi-lo. Para o primeiro-ministro um Irã nuclear seria pior do que 50 Coreias do Norte juntas.

O discurso de Netanyahu foi recebido pela crítica, uma vez mais, como radical. Como ousa, este “beligerante” premier israelense, não estender a mão ao “moderado” presidente iraniano?

Se depender da mídia internacional, Rohani será canonizado em Abril do próximo ano juntamente com João XXIII e João Paulo II. Aliás, se depender da mídia, você nunca saberá que o moderado Hassan Rohani descreve Israel como “ocupante e usurpador”, que desestabiliza o Oriente Médio com “as suas políticas belicistas”.

Rohani faz pose de moderado, mas no seu discurso na mesma assembleia da ONU a retórica anti-Israel não foi nada moderada. Para Rohani Israel mantém uma política de “violência estrutural na Palestina ocupada” onde “os direitos básicos dos palestinos são tragicamente violados”. O moderado disse ainda que esses palestinos “são privados do direito de retorno e acesso às suas casas, berço e pátria” e que há um “apartheid” onde “crimes são cometidos e a agressão contra o povo palestino inocente é institucionalizada”. Podemos chamar isso de moderação?

Hassan Rohani
O presidente iraniano Hassan Rohani faz pose de moderado sob o olhar diabólico do falecido Ayatollah Khomeini

O VERDADEIRO HASSAN ROHANI

Eis aqui 10 fatos que você precisa saber para melhor conhecer o moderado presidente do Irã, Hassan Rohani:

1. No dia 22 de Setembro último Rohani acompanhou um desfile militar em Teerã onde foram apresentados mísseis com os slogans “Morte à América” e “Morte a Israel”.

2. No dia 08 de Maio de 2013, durante a campanha eleitoral, Rohani afirmou que “dizer ‘morte à América’ é fácil, mas precisamos dizer ‘morte à América’ com ações e não apenas com palavras”.

3. O Ministro da Defesa do Governo Rohani é um dos conspiradores que em 1983 realizaram um ataque terrorista contra o quartel dos fuzileiros em Beirute matando 241 americanos.

4. No dia 10 de Setembro passado o Yedioth Ahronoth afirmou que num discurso direcionado aos religiosos iranianos, Rohani afirmou que o seu governo “não vai desistir nem um milímetro de seus direitos absolutos sobre a questão nuclear”. Em 2006 o New York Times trouxe a seguinte informação: “Em uma admissão extraordinária, Rohani sugeriu em seu discurso que o Irã havia usado as negociações com os europeus para engana-los. Ele se gabou de que enquanto as negociações estavam em andamento, o Irã conseguiu dominar uma etapa fundamental no processo de combustível nuclear – a conversão do ‘bolo amarelo’ de urânio em sua usina de Isfahan”. Segundo o NYT, Rohani afirmou que “através da criação de um ambiente calmo, fomos capazes de completar o trabalho em Isfahan”.

5. Em 2003, quando Rohani era chefe negociador nuclear do Irã, ele mentiu aos negociadores europeus sobre o programa nuclear iraniano. Enquanto prometia cooperação plena com os monitores da Agência Internacional de Energia Atômica, o Irã prosseguia, clandestinamente, no processo de enriquecimento de urânio.

6. Além da Rússia, o Irã tem sido o maior defensor político e militar do regime de Bashar al-Assad na Síria. Ao longo dos últimos dois anos, quando Assad tem dizimado parte do seu próprio povo, O Irã tem fornecido armas, dinheiro, treinamento militar e mercenários para apoiar o regime de Damasco. Aliás, o ataque com armas químicas contra os rebeldes sírios aconteceu quando Rohani já era presidente eleito e empossado.

7. O governo de Rohani ordenou que a base terrorista iraniana do Hezbollah ajudasse Assad a atacar os rebeldes sírios.

8. Rohani era o presidente do Conselho de Segurança Nacional do Irã entre 1989 e 2005 e foi justamente neste período que este mesmo Conselho contribuiu no planejamento do ataque terrorista contra o Centro Cultural Judaico em Buenos Aires, que resultou em 85 mortos.

9. Rohani era o presidente deste mesmo Conselho de Segurança quando o Irã contribuiu, em Junho de 1996, com tecnologia, treinamento, apoio logístico e humano, para os ataques contra as Torres Khobar, na Arábia Saudita, ataques estes que mataram 19 militares americanos e 1 saudita.

10. Rohani liderou a repressão sobre a revolta estudantil 1999. Na oportunidade, num comício pró-regime, Rohani afirmou: “Ao anoitecer de ontem recebemos uma ordem revolucionária decisiva para esmagar impiedosamente e monumentalmente qualquer movimento desses elementos oportunistas onde quer que venham ocorrer”.

Anúncios

Responses

  1. As palavras de Netanyahu ecoam a verdade:
    ” Ahmadinejad era um lobo em pele de lobo e Rohani é um lobo em pele de cordeiro. Um lobo que acha que pode colocar a lã à frente dos olhos da comunidade internacional”.

    Fabiana


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: