Publicado por: noticiasdesiao | 16 de novembro de 2012

TEL AVIV SOB ATAQUE

DESDE A GUERRA DO GOLFO TEL AVIV NÃO ERA ATINGIDA POR FOGUETES

Notícias de Israel sob fogo apenas em blogs independentes e redes sociais

A edição eletrônica do Yedioth Ahronoth (“Últimas Notícias” em hebraico) abriu manchete para lembrar que pela primeira vez em mais de 20 anos, voltou-se a ouvir em Tel Aviv as sirenes de alarme de ataques aéreos. Dois foguetes caíram em áreas abertas da região metropolitana da segunda mais importante cidade do país e duas horas depois foi a vez da cidade Rishon Lezion ser atingida. Nestes dois episódios não foram registrados danos físicos a nenhum israelense, entretanto pela manhã três moradores de Kiryat Malachi foram mortos por foguetes vindos da Faixa de Gaza. Uma casa em Beesheva também foi atingida, culminando uma semana marcada pelo lançamento de centenas de foguetes contra o território de Israel.

O clima tem estado pesado há várias semanas, mas a mídia internacional só despertou para a situação depois que Israel respondeu bombardeando Gaza. A resposta deu-se em função do Estado Judeu estar sobre fogo intenso há mais de duas semanas. Os jornais israelenses, completamente esquecidos no ocidente, e as redes sociais vinham falando sobre isso há dias. Agora, despertada pelo resposta a altura das Forças de Defesa de Israel, a mídia começa a falar sobre as rusgas, mesmo assim de forma enviesada, como exemplificado na principal manchete da TV a cabo europeia Euronews: “Israel bombardeia Gaza após a visita do emir do Qatar”. Ora, para o bem da verdade a manchete deveria ter sido “Israel bombardeia Gaza após ser açoitado por centenas de foguetes palestinos”.

Notícia enviesada dá a entender que Israel é responsável pela crise.

Na noite de domingo, a jornalista brasileira Rachely Rachewsky Scapa falava, ao vivo, das centenas de foguetes que estavam a cair sobre o território israelense. No seu programa semanal, Hadashot Mi Israel (Notícias de Israel), que é emitido em português aos domingos às 18:00h (horário de Brasília), Rachewesky Scapa comartilhava aquilo que aparentemente só era do conhecimento dos usuários do Facebook, uma vez que a rede social foi amplamente utilizada para a divulgação dos números de foguetes lançados desde Gaza.

O blog Notícias de Sião continuará observando o conflito e atualizando seus leitores quanto a evolução da crise.

Anúncios

Responses

  1. O Deus de Abrão Isaque e Jaco Proteja Israel essa e minha Oração

  2. Caros Roberto e Familia…fiquem bem protegidos aí!!! O Eterno D’us os abençoe grandemente e a todo o Israel!!!! Orando por vocês também!!!

  3. […] Fonte: Blog Notícias de Sião […]


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: