Publicado por: noticiasdesiao | 1 de outubro de 2012

ERIC HOBSBAWN

NÃO BASTA SER JUDEU, TEM QUE SE FAZER RESPEITAR.

Eric Hobsbawm (1917-2012), um judeu que não mereceu ser respeitado.

Infelizmente há um bando de judeus que desonra a história do seu povo. Um dia desses chamei a atenção de uma amiga do Facebook, pois ela havia compartilhado elogios a um homem público brasileiro sem se dar conta que o mesmo tinha posições políticas e morais bastante duvidosas. Em sua defesa a minha amiga, que é judia, alegou que só compartilhou o link “pois o cara é judeu”. Depois de ler meu comentário ela admitiu que não conhecia aquela faceta do sujeito e “descurtiu” o próprio post facebookiniano.

Hoje morreu Eric Hobsbawm. Provavelmente centenas de resenhistas em todo o mundo tecerão elogios ao morto e farão generosos obituários. Entretanto, aos meus amigos – e leitores deste blog – sugiro que procurem conhecer um pouco mais a vida deste senhor. Apaixonado pelo Comunismo, tinha Lenin como seu único ídolo e popularizou uma forma de “fazer história” tendo como base as maravilhas do socialismo soviético. Quanto a Israel, considerava o Estado hebreu era uma nação “imperialista” e determinada vez recusou-se a embarcar num vôo quando soube que o mesmo faria uma escala no aeroporto Ben Gurion, em Tel Aviv.

De outra feita minimizou o impacto de um bombardeamento a Israel (não com essas palavras é claro), sugerindo que a morte de cinco milhões de judeus teria menos impacto do que “ver uma superpotência nuclear matar duzentos milhões de pessoas”.

Da mesma forma em que no dia de ontem, em quase todas as partidas de futebol do Campeonato Brasileiro, houve um minuto de silêncio em memória da apresentadora Hebe Camargo, é bem provável que na noite de hoje muitas homenagens sejam prestadas a este “judeu” nas salas de aulas de História – ou outros cursos da área das Ciências Humanas – em universidades do mundo todo. Quanto a mim, não sentirei nenhuma falta. Mesmo assim, que HaShem tenha misericórdia.

OUTRAS OPINIÕES

Clique nos links abaixo para ler outras opiniões menos apaixonadas que as minhas. Estou compartilhando estes links apenas a título de complementariedade de informação, não significa que eu comungue na totalidade das posições expressadas nos mesmos.

Os erros de Eric Hobsbawm: uma contabilidade de mortes.

Eric Hobsbawm : Pecado capital do capitalismo é injustiça social.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: