Publicado por: noticiasdesiao | 25 de março de 2011

O TRIUNFO DA MENTIRA

OS PALESTINOS MENTEM, AS CRIANÇAS (E OS INGÊNUOS) ACREDITAM.

Um leitor reclamou recentemente da “parcialidade” deste blog. A princípio ignorei suas palavras, pois conheço muito bem o universo em que vive o jovem: o seio de uma universidade brasileira.

Depois, vim a saber que conheço o jovem pessoalmente. Além de aparentar ser uma boa pessoa, o jovem conhece um grupo de judeus brasileiros e até tem uma certa comunhão com eles. Em respeito a este histórico, fui paciente e respondi didaticamente ao jovem, inclusive disponibilizando a íntegra de um dos melhores trabalhos sobre a questão árabe-israelense.

De nada adiantou e o jovem insiste em postar comentários que estão em desacordo com os propósitos deste Blog. Aproveito, então a oportunidade para retificar algo que já enfatizei anteriormente:

O Blog Notícias de Sião não é um fórum de debates à respeito das questões do Oriente Médio. Existem na Internet dezenas de espaços destinados a esta temática e quem quiser atacar Israel que vá para lá.

O Blog Notícias de Sião está voltado a divulgar fatos a respeito de Israel que normalmente a Mídia não mostra. Um destes fatos é que o Estado de Israel é extremamente tolerante com seus inimigos e o mundo não sabe disso.

Nos últimos meses, cidades fronteiriças à Faixa de Gaza têm sido sistematicamente atacadas com foguetes que caem diariamente sobre suas cabeças. Israel esconde suas crianças, reconstrói as casas atingidas e continua sua vida.

O mapa abaixo é da cidade de Sderot. Sderot em hebraico significa Boulevard. Boulevard é uma expressão francesa para Avenida. Normalmente uma avenida larga, arborizada, florida.

Mas os pontos vermelhos que aparecem no mapa de Sderot não são de avenidas, árvores ou jardins. Os pontos vermelhos no mapa de Sderot não atrações turísticas ou lanchonetes e pizzarias. E nem mesmo, como era de se esperar, se trata de paradas de ônibus ou estações de metrô.

Os pontos vermelhos no mapa abaixo são os locais onde já caíram um ou mais foguetes lançados a partir da Faixa de Gaza!

Locais onde já caíram um ou mais foguetes em Sderot.

Imagine morar numa cidade assim? Imagine viver uma vida assim? Imagine ser presidente, primeiro-ministro, chefe do exército de um país onde existe uma cidade onde o dia-a-dia é assim?

Sderot é pequena e fica na divisa norte da Faixa de Gaza. É perto. É alvo fácil. Mas, os foguetes já estão chegando em Beersheba. Os foguetes já estão chegando nos subúrbios de Tel Aviv. E, principalmente, os terroristas já começam a retomar os ataques terroristas dentro do território israelense, como pudemos ver esta semana em Jerusalém.

Outro fato silencioso que vem acontecendo – e que as autoridades israelenses estão acompanhando com muita preocupação – é que está amadurecendo uma das piores gerações de inimigos que Israel jamais teve!

Até agora, Israel enfrentou um inimigo que conhece a verdade e sabe que o que dizem de Israel é mentira. Eles sabem que é mentira, mas por conveniência se calam. Acontece que as crianças nascidas durante a Intifada e que foram educadas na cultura do ódio, estão crescendo. E esta é uma realidade que mais cedo ou mais tarde Israel terá que enfrentar. E terá que utilizar a única linguagem para o qual eles têm sido preparados: a força.

Amigos de Israel, preparem-se para a avalanche de críticas que se abaterá sobre os judeus quando forem forçados a tomar esta decisão.

Vejam os vídeos abaixo para conhecerem um pouco da Educação que os palestinos têm impingido às suas crianças.

Anúncios

Responses

  1. Shalom meu irmão

    Estes comentários ingênuos feitos por jovens universitários conhecedores de “manchetes de jornais” e vídeo-games apenas demonstram quão ignorantes são em relação aos assuntos que querem comentar. Digo que são ignorantes simplismente por desconhecerem os principios históricos de nosso povo e do povo trans-jordaniano que mais tarde foi nomeado “palestino”pela ONU.

    Se existir “palestinos”, então os verdadeiros palestinos são os judeus pois, históricamente, esta região denominada palestina pelo império romano foi construida e habitada por judeus e seus governos tribais.

    Grande abraço

    Quando quiser tomar um café é só me avisar – torahweb@hotmail.com

  2. É drástico, mas se quisermos sobreviver, vamos ser forçados a fazer guerra total contra o Hezbolah, e, principalmente, o Irã.
    .
    Está na hora de usarmos a força militar e as melhores invenções militares para exterminar o inimigo, antes que ele nos extermine.
    .
    É feio falar em guerra. Mas não há outra solução. O mundo ocidental cegou-se em relação ao Irã e ao perigo que o Islamismo representa para o planeta inteiro. E, para piorar, o Irã e os islâmicos querem DECLARADAMENTE nos exterminar e puseram isso como objetivo de vida. Ou seja: ou a gente mata essa corja ou eles vão nos matar. Na minha opinião, melhor que eles morram, já que não há possibilidade de paz com eles.
    .
    Seria ótimo viver em paz, mas como isso não é possível. Então que venha a guerra! Melhor ter um inimigo declarado do que um “amigo” que te apunhala pelas costas.

    • Está na hora de usarmos a força militar e as melhores invenções militares para exterminar o inimigo, antes que ele nos extermine“. Recentemente, no Purim, lemos na Meguilat Esther que não bastou vencer Haman, foi preciso expurgar o mal por completo. O Capítulo 9 de Ester é terrível, mas se levarmos em conta os dias difíceis que vivemos, ele não é nada anacrônico. Infelizmente.

      • Você está repleto de razão.
        .
        É preciso expurgar o mal por completo.
        🙂
        .
        Shabat Shalom para você!

      • Shabat Shalom, Marques.

  3. A palestina foi no passado habitada pelos filisteus e nós os enfrentamos conforme HaShem nos ordenou. Atualmente eles nos aborrecem com ataques e leva a Mídia contra nós, mas haverá um fim para isso tudo. Os exércitos de nossos irmãos celestes já estão posicionados para dar um fim a tudo isso, o Mashiach Yeshua nos defenderá e haverá uma limpeza planetaria destes humanos filhos de Hasatan e seu líder. Então haverá paz. É triste saber que haverá milhões de mortes, será dada a ordem das quedas dos meteoros e o sol com sua erupção queimará milhões destes que não reconhecem a ordem da Torah e Seu Criador. É terrível ver tantos serem excluídos da nova terra da nova Yerushalayim celestial que descerá até nós. Justiça, justiça se fará, assim diz Adonai! Esperemos um pouco só, e de Sião virá a Torah e habitaremos em paz com HaShem e seu filho Yeshua, Baruch HaKodesh que nos envolve todos os dias. Shalom para todos os banim be Yisrael.

  4. Meu amado e querido irmão Roberto, atualmente estudo na UFC, e a cada dia vejo o quanto os universitários estão/são ignorantes no que se refere ao que realmente acontece no mundo. é de extrema pobreza intelectual e espiritual! Quando se começa alguma discursão a respeito do conflito do oriente médio, descamba para a mais pura e vergonhosa ‘burrice midiática’. Falam do que não sabem e desconhecem. Apenas citam ‘casos’ que a mídia corrompida solta sem nem tentarem ver/observar o outro lado da história. Absorvem tudo aquilo sem nem perguntarem se o ‘gosto é bom ou ruim, entede, amigo?! Eu, às vezes, me recuso a participar porque agride a minha consciência e me dá mau-estar ouvir tanta baboseira de gente desinformada e burra!

  5. Não existe um povo “palestino”,e até mesmo uma equipe de reportagem da Globo admitiu a tranquilidade que reina por parte de Israel e que esses árabes gozam de toda paz, o rapaz é mais desinformado do que eu que não curso faculdade,a minha vantagem é que nossa igreja tem um compromisso com a verdade! Shalom para Israel, você e sua família!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: