Publicado por: noticiasdesiao | 22 de abril de 2010

Veja na Bíblia

JOIO

Joio: Pseudo cereal usado em ilustrações bíblicas é comum nos campos da Judéia

O Joio é uma erva daninha diversas vezes citada na Bíblia. Em Israel dos tempos de Yeshua, por ocasião das colheitas, os campos de trigo e cevada eram, muitas vezes, assolados por esta praga. Para a separação “joeirava-se” os cereais. Tudo era colocado em grandes peneiras que permitiam a passagem dos grãos, retendo as impurezas. Uma atenção especial era dada ao Joio, uma vez que ele se assemelha muito ao trigo, como você pode ver na foto acima tirada nas campinas de Latrun.

Uma vez maduro, o joio se torna negro, e não dourado como o trigo (Mateus 13.24-30). Estes grãos, amargos, causam tonturas e doenças se ingeridos.

A idéia de separar o bom do mau inspirada na tradição judaica de “joieirar” o trigo é usada como uma ilustração do que D’us fará por ocasião do julgamento dos povos (Salmos 1.4; Jeremias 15.7). João Batista usou este paralelo para ilustrar o trabalho de Yeshua (Mateus 3.2). E o próprio Yeshua disse que Satanás queria “peneirar” Pedro como se fosse trigo (Lucas 22.31). Ou seja, O Mestre estava usando o recurso pedagógico de comparar a situação de Pedro com as peneiradas usadas para a separação do joio.

Joio ainda é praga em Israel

About these ads

Responses

  1. Interessante a observação de que o joio se assemelha ao trigo e que depois de maduro ele se torna negro, diferente da cor dourada do trigo, como também, se ingerido, o joio causa males.

    Esses detalhes revelados pelo autor do texto acima, me fazem lembrar da passagem bíblica, quando na parábola (Mateus 13:24-30), há a orientação de que o joio não deve ser arrancado, pois, haveria o risco de de arrancar também o trigo. Isso, porque quando ainda imaturo, o joio é tão parecido com o trigo, mas no momento da ceifa, não haverá tal risco pois o joio se mostrará realmente diferente (negro). Essa analogia, pode ser feita para com a Igreja. A falsa igreja (o joio) será revelada no momento da grande ceifa e então o Grande Rei e Senhor Jesus dirá aos seus ceifeiros para arrancar o joio e o lançar no fogo.
    Ah, estava me esquecendo de dizer que o joio se ingerido faz mal, assim também, o “joio” no meio da verdadeira Igreja também traz seus males e escândalos. Um abraço, José Luiz.

  2. Uma vez maduro, o joio se torna negro, e não dourado como o trigo (Mateus 13.24-30). Estes grãos, amargos, causam tonturas e doenças se ingeridos.
    Tudo que Deus faz é perfeito, apesar de parecidos, na hora certa a essencia faz a diferença. O joio no meio da igreja do Senhor serve de pedra de tropeço, mas quem sabe que durante o crescimento deixe de ser convencido e se torne convertido.

  3. De excelente importância estas matérias parabéns. Estou sendo edificado!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 240 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: